5 coisas que te impedem de viver uma vida plena

By Larissa Bueno - junho 16, 2020


Essa semana, depois que escrevi o post sobre viver a vida dos seus sonhos, que você pode ler em seguida se ainda não leu, fiquei muito pensativa e em meio a um pensamento e outro me veio algumas coisas especificas na cabeça que muita das vezes nos impedem de viver a vida que nós nascemos para viver, de viver o nosso propósito de vida e principalmente de amadurecer e cheguei a conclusão que por muito tempo e de vez em quando eu me pego vivenciando esse tipo de coisa e são nesses momentos que Deus me lembra que tem uma coisa errada na estrada me impedindo de viver essa vida de forma plena, por isso quero compartilhar com vocês hoje essas 5 coisas que podem te ajudar a destravar de vez a sua vida!

Nós estamos vivendo a era do desenvolvimento pessoal já repararam? Queremos ler muitos livros de vez, fazer coisas diferentes, ter novos hobbies e desafios durante os dias e crescer como pessoa e isso de modo algum é ruim, eu particularmente gosto bastante disso e saber mais sobre isso entretanto mesmo que tentamos ser a nossa melhor versão todos os dias exstem algumas coisas que fazemos as vezes involuntariamente que nos atrapalham de viver esse desenvolvimento pessoal da melhor forma possível, que nos tiram o foco das coisas que verdadeiramente importam mas que precisamos voltar e trabalhar um pouquinho nisso se queremos viver uma vida plena. Obviamente existem outras tantas coisas que nos impedem de viver a vida dos nossos sonhos, a tão sonhada vida plena, mas quis trazer pra vocês o que mais fazemos ao longo dos nossos dias que precisamos ter uma atenção a mais antes de prosseguir.

  1. Não seguir os teus sonhos: parece obvio mas é. Você com certeza já ouviu a seguinte frase "Nós só temos uma vida, precisamos vivê-la da melhor forma", quero trazer isso para esse tema sobre não seguir os teus sonhos, nós nascemos com um propósito, para viver algo que é nosso, se deixarmos escapar, quem vai perder não são as pessoas ao seu redor, mas você mesma, e muita das vezes não conseguimos seguir nossos sonhos, não é por questão financeira em sua maioria, porque nós podemos acreditar mesmo não tendo um real como falei nesse post e pode sim se tornar possível, mas o que normalmente acontece é que gente DESISTE, nos cansamos, não queremos seguir os nossos sonhos por causa de palavras que outras pessoas disseram sobre nós, que não vai dar certo, por críticas e por tantas outras coisas que com toda certeza vão nos impedir de viver aquilo que nascemos para viver, então não desiste, não pare de sonhar, apenas siga os teus sonhos.
  2. Se comparar com o outro: essa eu confesso para vocês que tenho trabalhado bastante nisso na minha vida, porque se tem algo que fazemos bem é nos comparar com os outros, principalmente nós mulheres tendemos a fazer isso constantemente. E isso faz com que não consigamos ver a beleza que nós temos dentro de nós, os simples detalhes que nos fazem ser únicas e principalmente as nossas qualidades, porque não nos comparamos só fisicamente como também em quem somos e o que temos. Entretanto isso nos impede de viver tantas coisas boas, pois através disso é gerado em nós o medo da rejeição, o medo da critica e uma busca constante por ser quem na verdade nós não somos. Não é errado enxergar algo bom no outro e querer viver aquilo também, buscar se desenvolver a tal ponto, se torna ruim quando nada em você parece bom o suficiente e você vive uma vida de comparação, querendo na verdade ser a outra pessoa e não achando beleza na sua própria vida.
  3. Não ser grata pelas pequenas coisas e pequenos passos: no dia a dia mesmo, por exemplo talvez você tenha um milhão de coisas para fazer no seu dia, entretanto por imprevistos que sempre acontecem você só conseguiu fazer 5 coisas, no final no dia você deita na sua cama e se sente frustrada por não ter feito tudo o que tinha para fazer e dorme com a expectativa de que no dia seguinte as coisas sejam melhores. Por muito tempo eu fui essa pessoa do exemplo, não conseguia ser grata pelas 5 coisas que eu havia conseguido fazer e me culpava por aquilo mais do que era grata, isso nos impede de enxergar o lado bom das coisas, nos impedindo de ser grata pelas pequenas coisas. Se não formos gratos e fieis no  pouco, como seremos quando estivermos e chegarmos no muito?
  4. Focar no passado: quando a gente foca em quem nós eramos, travamos nosso desenvolvimento pessoal pois aquilo que não conseguíamos fazer lá trás vai continuar sendo algo que não vamos conseguir fazer no presente porque estamos focando em quem nós eramos e esquecemos que o tempo passa, que nós evoluímos e que podemos sim tentar de novo algo pela segunda vez. Tanto em coisas que não conseguíamos como por exemplo, ser paciente, tocar algum instrumento que já tinha desistido como também no amor, em relacionamentos, em amizades e em tantas outras coisas. Viva o presente, focando em quem é agora, não em quem já foi ou no que não conseguiu fazer lá trás, você pode construir isso daqui pra frente.
  5. Criticar o outro: essa prática ruim trás malefícios não só para quem sofre a critica como também para você que critica. De tanto criticarmos acabamos nos tornando pessoas criticas e sinceramente não é o nosso papel criticar o outro, se a critica for uma critica construtiva vale a pena sim separar tempo para isso, entretanto se não acrescentar em nada, é melhor guardar pra você, pois pode acabar com uma amizade, com um relacionamento como também fará de você uma pessoa difícil de lidar e trazendo um desgaste para você que na verdade você não precisa carregar isso, só vai ocupar ainda mais a sua mente, trazendo preocupações quando as pessoas agirem mal entre tantas outras coisas.
E a minha dica extra é: não se contente com o pouco quando você pode fazer mais, as vezes por comodidade não saímos da nossa zona de conforto e impedimos o nosso desenvolvimento pessoal e tardamos o que deveríamos estar vivendo por se contentar com aquilo que já estamos fazendo, sem que haja nenhum esforço a mais para perseguir aquilo que queremos viver.

Espero que esse post possa ter aberto os teus olhos para essas práticas que como disse, acabamos fazendo sem que a nossa consciência  nos diga que é errado antes de fazer, e que possamos seguir para a vida que nascemos para viver de forma plena, sem que essas coisas nos impeçam de avançar. Quero deixar como indicação um livro maravilhoso que pode trazer grandes benefícios a você através de novos hábitos que é " O poder do hábito" você pode adquirir clicando aqui.

Recomendo a leitura dos posts: 


Não deixe de me seguir no Pinterest, clicando aqui, onde compartilho várias coisas interessantes sobre desenvolvimento pessoal, organização, vida saudável, receitas e produtividade, como também se inscreva na Newsletter, logo aqui em baixo, no rodapé do blog para que você receba as notificações sempre que sair post novo aqui no blog.

Compartilhe com quem você gosta!
Com carinho, Lari.

  • Share:

Você pode gostar também

0 comentários