3 coisas que podem fazer total diferença no seu nível de inglês

By Larissa Bueno - janeiro 21, 2021




É bem verdade que quando terminamos o curso de inglês, nem sempre vamos sair falando e entendendo tudo ao mesmo tempo. Existem níveis maiores de compreensão e cá entre nós, até mesmo o português que provavelmente também é a sua língua nativa tem suas facetas que vamos aprendendo ao longo do tempo, palavras que você nunca ouviu até então, podem começar a surgir em novas leituras ou até mesmo conversas com outras pessoas, basicamente é uma busca constante por aprendizado mesmo que já sejamos fluentes nele. Não é diferente com a segunda língua e é sobre isso que vamos discorrer nesse post de hoje.

Em outro post, sobre como eu treinava o inglês no ano passado, compartilhei que me formei no curso de inglês em 2018 e desde então não tive uma oportunidade de ser completamente imersa na língua, 100% do meu dia. E por muito tempo, quase dois anos eu não fui intencional ao ponto de continuar estudando para aprender e treinar ainda mais mesmo que em casa. O que me deixou estancada no nível intermediário.

Mas...

Do ano passado, pra cá muita coisa mudou e graças a Deus consigo ver uma mudança notória na minha compreensão do inglês, na pronuncia, na conversação, e principalmente no listenning, que pra mim era o maior desafio. Porque além desses passos que compartilhei no outro post, percebi que três coisas especificas praticadas ao longo de um ano, em casa, de forma gratuita fizeram o meu nível de inglês aumentar e acredito que muitas pessoas também tem uma certa dificuldade de manter a pratica de estudos mesmo depois de ter parado o curso, por isso vou compartilhar aqui nesse post essas três coisas que pra mim foram extremamente importantes para esse desenvolvimento na língua e me tornaram mais sensíveis ao compreender o que o falante nativo esta dizendo sem tanta dificuldade.


Obviamente existem muitas outras coisas que facilitarão o desenvolvimento ainda mais rápido, mas essas três dicas são para quem normalmente reclama de não ter tanto tempo para parar, sentar e estudar na frente do computador ou por achar isso entediante (eu particularmente acho).

As dicas são considerando que você já sabe um pouco de inglês, se não souber nadinha de nada não sei se isso funcionará para você.

1. Pode parecer algo desnecessário mas não é e pra mim foi extremamente e ainda tem sido importante que é assistir videos e também vlogs de pessoas falantes da língua inglesa que falam sobre qualquer coisa que você goste. Eu por exemplo gosto muito de assuntos sobre estilo de vida saudável, rotinas, organização, então encontrei no youtube alguns canais super maravilhosos sobre esse assunto e comecei assistir. Mas é claro que é preciso se comprometer em assistir todos os dias pelo menos um vídeo, no minimo um dia sim, um dia não, pois ajuda de uma forma sem igual.

Indico o Canal da Maya Lee para quem gosta de vida saudável, rotinas, e tudo mais.

Basicamente assisto quase todos os dias, a mais de um ano, e para arrumar tempo para isso tive que inserir na hora do meu almoço, então sempre que vou almoçar, coloco o prato e ao invés de ficar rolando o feed alheio, assisto um vídeo pelo menos, que além de estar agregando no inglês está agregando e outras áreas da vida também.

Uma observação é que nos primeiros dias que comecei a assistir não entendia absolutamente nada, embora eu já soubesse falar inglês. Porque ouvir um falante nativo é bem mais difícil de compreender do que um estrangeiro falando inglês sabe? Mas com persistência e constância conseguimos sim compreender, pode ter certeza disso.

Aqui entra também filmes/séries em inglês, com legenda em inglês.

2. Essa é uma das minhas favoritas também que é sobre ouvir músicas que você goste com a letra em mãos, a letra não a tradução. Sempre ouvi muita música em inglês mas quase nunca parava para realmente prestar atenção na letra sabe? E isso é muito importante, até porque muita coisa falamos errado, ou não sabemos como escreve, então é bem bacana ao ouvir uma música, ter a letra perto, no spotify tem como fazer isso perfeitamente e ajuda muito na pronuncia das palavras.

3. Não menos importante, ensinar o que você já sabe para alguém fará com que você recapitule aquilo que talvez não se recorda tanto e guardar na sua mente coisas que talvez você já esqueceu ao longo do caminho. Eu tinha começado a ensinar inglês para o meu namorado e embora eu achava que sabia muita coisa, algumas delas eu tinha esquecido sabe? E ter esse compromisso de ensinar me fez rever muita coisa e praticar também aquilo que a gente aprende de forma prática.

Ensine para alguém.

Você com toda certeza tem algo a ensinar, se ainda não acha suficiente, é uma bom ponta pé para iniciar os estudos de forma mais intensa e profunda.

Por fim quero indicar um livro da professora Carina Fragozo, que pode te ajudar  alavancar de vez o seu aprendizado, você pode encontrar aqui.

De verdade,  essas três coisas fizeram grande diferença no meu inglês e se você  está se sentindo travada, em não conseguir ir além daquilo que você já sabe, tente praticar essas dicas e talvez descobrir as suas próprias para que o seu inglês não se estanque no meio do caminho. É bom sempre ter um planejamento para não deixar isso se perder ao longo dos seus dias e acabar não praticando.


Se você quiser me seguir no Pinterest eu posto bastante coisa legal por lá, Templates para stories, frases, inspirações de tudo mais e no instagram (@larissabuenoc) que é onde compartilho mais coisas do meu dia a dia, apareço de vez em quando cantando por lá também e temos interações quanto ao conteúdo aqui do blog nos stories. Não deixe de se inscrever na Newsletter, no rodapé dessa página para receber todos os posts no seu e-mail automaticamente. É muito bom ter você aqui com a gente!!

Compartilhe com quem você gosta,
Com carinho, Lari.

  • Share:

Você pode gostar também

2 comentários