Não somos melhores do que ninguém

By Larissa Bueno - maio 01, 2020



É fácil dizer que somos todos iguais, quando o "todos'' são pessoas boas, por mais que algumas vezes tendem a errar, estamos vulneráveis a isso. Porém tendemos a excluir dessa classificação todos aqueles cuja as obras são terríveis aos nossos olhos, aqueles que matam, aqueles que estupram e fazem diversas coisas ainda mais horríveis. Porque afinal, não fazemos as mesmas coisas do que eles fazem então não podemos nos comparar. Eu, Larissa pensava assim, até que em dezembro de 2019 eu escutei algo que mudou completamente a minha forma de pensar e é sobre isso que vamos decorrer neste texto.


Não, nós não somos melhores do que ninguém, mesmo que esse alguém seja a pior das piores pessoas que existem no mundo pois somos feito da mesma matéria, fomos criados através do pó, aquilo que nos torna seres humanos existe em todos: fôlego de vida e raciocínio. Porque insistimos em dizer que somos melhores do que alguém em uma situação ruim de falência, agressão, opressão, depressão, porque continuamos julgando a pessoa por aquilo que ela demonstra ser e tem vivido? Por mais que exista uma explicação por trás de um grande agressor, não podemos nos colocar em um nível mais alto de superioridade por não cometermos aquilo que ele faz. Sim, o que ele faz é diferente, as ações, os pensamentos, o comportamento mas isso não torna a gente o bom da história porque também estamos tendenciosos a pecar, estamos tendenciosos a errar.


Por favor não me entendam mal. Isso de forma alguma  justifica o que alguém faz ou deixa de fazer mas em meio a nossa vida dizemos e afirmamos tantas vezes que por andarmos "certinho" no caminho somos os melhores seres humanos do mundo, principalmente nós que somos cristãos, olhamos com ar de superioridade para quem está perdido, que talvez nem seja um agressor ou um criminoso, mas por estar vivendo uma vida medíocre no mundo a fora e trazemos o ego para nós mesmos, enchemos o nosso coração com palavras do tipo "Eu não faço o que aquela pessoa faz, eu sou salva, aquela pessoa não, eu ando nos caminhos de Deus, tenho uma vida correta diante dEle, Ele está em mim" e um algo absurdo acontece: não reconhecemos que também somos da mesma matéria, que também erramos, que também éramos  raça de víboras como disse João Batista, esquecemos da nossa natureza pecaminosa, esquecemos que estamos vivendo nesse mundo.


Eu particularmente, até ouvir essa frase "Nós não somos melhores do que ninguém" me colocava nesse lugar. Achava e afirmava para mim mesma que por eu ter conhecido a Cristo e andar no centro da vontade do Pai eu era mais digna do que alguém que o rejeitava, que não queria estar com Ele nem andando em seus caminhos. Ou, até mesmo no meio cristão "Eu tenho intimidade com Deus, oro bastante, medito na palavra todos os dias, fulano está na igreja e não faz isso" e involuntariamente me colocava em lugar de superioridade diariamente. Sabe onde isso me levou? A lugar nenhum. Só me mostrou quão miserável somos todos nós e quão dependentes de Deus precisamos e devemos ser.


O que falta em nós? Infelizmente olhamos para o perdido, para aquele que cometeu crimes terríveis e coisas ainda mais horrorosas, ou quem sabe coisas pequenas, e julgamos, condenamos, nos colocamos em um lugar de Juiz como se nós tivéssemos esse direito e como se esse fosse o nosso papel. Você pode dizer "Meu pai, meu irmão, meu tio, meu padrasto, um vizinho -ou outra pessoa- abusou de mim - ou te agrediu " isso não te dá o direito de olhar com olhos de superioridade. O que ele fez é sim errado, e deve sim pagar pelo o que fez mas não o torna diferente do que você também estaria a se inclinar se não tivesse o Espírito Santo, se não conhecesse a Cristo você também poderia se igualar a Ele. Porque seríamos melhores do que essas pessoas?
"Que concluiremos então? Estamos em posição de vantagem? Não! Já demonstramos que tanto judeus quanto gentios estão debaixo do pecado.Como está escrito: "Não há nenhum justo, nem um sequer;não há ninguém que entenda, ninguém que busque a Deus."  Romanos 3:9-11
Recomendo a leitura completa do capítulo 3 de Romanos para entender melhor esse texto e o que estou tentando explicar nesse texto. Se em nós há algo de certo é por causa do Espírito Santo, isso não vem de nós para que não nos gloriemos, porque a nossa natureza inclina-se para o mal, por isso devemos fortalecer o nosso Espírito, para não deixar que a carne nos leve para os seus desejos. A única diferença que existe quanto a nós, que conhecemos a Jesus e ao perdido, que precisa ser lavado e redimido é que reconhecemos que sem Ele nada somos, porque sem Ele, também nos igualaríamos a eles.

Jesus morreu para nos salvar e nos reconciliar com o Pai. Ele morreu por todos, pagando o preço dos nossos pecados, nos perdoando deles e tirando a culpa que nos afastava dEle, mesmo sabendo que iriam cometer coisas horríveis, para que eles fossem reconciliados por Deus e enviou o Espírito Santo para nos ajudar a vencer todos os dias e nos afastar do mal. Por isso não podemos olhar pra qualquer pessoa que ainda vive no pecado, que ainda está na velha vida com superioridade, mas olhar para ela com graça e amor, porque ela ainda está nessa vida pois não o conhece ou ainda não o segue verdadeiramente, olha para tudo isso como uma oportunidade de também fazê-lo ter um encontro com Jesus e não pensar já julgando: ele é um pecador, ao invés disso pense: Podia ser eu!

Indicação de leitura: JESUS TODO DIA: encontre-se com Deus todos os dias e deixe o amor transformar a sua vida. Para encontrar esse livro clique aqui.


"Sei que nada de bom habita em mim, isto é, em minha carne. Porque tenho o desejo de fazer o que é bom, mas não consigo realizá-lo. Pois o que faço não é o bem que desejo, mas o mal que não quero fazer, esse eu continuo fazendo. Ora, se faço o que não quero, já não sou eu quem o faz, mas o pecado que habita em mim.

 Romanos 7:18,19,20
Não deixe de me seguir no Pinterest, clicando aqui, onde compartilho várias coisas interessantes sobre desenvolvimento pessoal, organização, vida saudável, receitas e produtividade, como também se inscreva na Newsletter, logo aqui em baixo, no rodapé do blog para que você receba as notificações sempre que sair post novo aqui no blog.

Compartilhe com quem você gosta!
Com carinho, Lari.




  • Share:

Você pode gostar também

0 comentários