Não precisa fazer como todo mundo.

By Larissa Bueno - setembro 12, 2020


É aquela velha frase, que normalmente quem fala muito são as mães "Você não é todo mundo". O tema para discorrer hoje é exatamente esse que nós não somos todo mundo, não temos que fazer as mesmas coisas só porque todo mundo faz sabe? E aqui não entra só coisas ruins, na verdade o sentido desse texto de hoje é o contrário, é sobre aquilo que fazemos só porque as pessoas fazem sendo que na verdade nem era a nossa real vontade fazer. Pareceu confuso né? Tenho certeza de que até o final desse post eu vou conseguir me expressar ao ponto de todos nós entendermos o que eu realmente quero dizer aqui.

Mais cedo estava olhando o explorar no instagram e me deparei com um ensaio fotográfico que uma noiva (você pode ver clicando aqui depois) fez enquanto estava ela mesma se maquiando para o seu casamento. Na legenda, algo que me chamou atenção foi o fato dela ter trago isso a tona que não é obrigatório uma noiva ir ao salão se maquiar, ou alguém vir até ela, sendo que ela mesma sabe fazer isso muito bem e sabe exatamente como quer estar nesse dia tão importante e as vezes, agora falando o que penso, somos tão tensionadas de forma sutil a fazer o que todo mundo normalmente faz que acabamos deixando escapar um pouco da nossa essência, que na verdade deveria ser priorizada mais do que qualquer ''tradição'', podemos dizer assim, como também quando terminamos o ensino médio, somos praticamente encaminhadas para a faculdade antes mesmo da formatura do ultimo ano porque parece ser a coisa mais certa a se fazer, porque afinal a maioria das pessoas está fazendo e sempre fez assim então devemos também fazer o mesmo.

E não. Já comentei em outros posts e em alguns videos sobre quando eu terminei o ensino médio e tinha tudo para entrar numa faculdade, pois sempre fui uma aluna muito inteligente desde que me entendo por gente, fui encaminhada para a faculdade sem mesmo saber o que eu queria fazer da minha vida. Como costumo dizer, sai atirando para todos os lados e graças a Deus, eu digo graças a Deus porque não era a minha vontade, eu não entrei na faculdade naquele momento. Eu estava confusa, começaria algo só porque é o que todo mundo faz depois de acabar o ensino médio, que na verdade eu sabia que cedo ou mais tarde eu acabaria trancando ou terminaria e seria infeliz na carreira que eu estava tentando entrar na faculdade. Não tem nada de errado em não fazer o que todo mundo está fazendo quando isso não mostra a sua essência e quando não faz parte dela. Isso não quer dizer que você nunca vai fazer algo porque as pessoas fazem, mas com certeza vai trazer clareza quanto ao momento ideal para fazer tal coisa se isso fizer parte do seu proposito de vida.


Se está todo mundo namorando, você não precisa namorar por pressão. Se as pessoas adiaram o casamento/festa por causa da pandemia, você não precisa adiar se não quiser. Talvez você não queira fazer uma cerimonia e festa como todo mundo está acostumado a ver por aí, não precisa se prender as tradições, faz o que sentir vontade, esse é o seu sonho. Se todo mundo está escutando a música do momento, que eu particularmente nem sei qual é, você não é obrigado a ouvir muito menos saber qual é o nome. Se as pessoas estão sendo produtivas e ativas na quarentena, você não precisa se sentir culpada por não estar sendo, está tudo bem. Se as pessoas dizem que você é doida por confiar em Deus em meio a todo esse caos, ei relaxa, nem sempre as pessoas vão pensar e fazer o mesmo que a gente.

Todo mundo está fazendo, mas você não precisa fazer. A vida aqui na Terra é muito curta para fazer as coisas simplesmente porque todo mundo já está acostumado com isso, não entra nessa não. Quando você entende quem você é, o que você gosta, quais são as suas prioridades e principalmente o seu propósito de vida as coisas se tornam muito claras e o diferente para as pessoas é algo natural para você, no bom sentido. Então não fica com medo do que as pessoas vão pensar, ou do que elas vão achar disso, para existir opções, as pessoas tiveram ter o primeiro passo para criar não é mesmo? Em Eclesiastes diz que há um tempo para todas as coisas, ou seja tudo é feito no seu devido tempo, não porque todo mundo está fazendo e você não é obrigada a gostar das mesmas coisas sabe? por isso é preciso apegar ao seu propósito de vida, assim as coisas vão se acertando e você vai viver coisas incríveis, em singularidade. O importante é: não perder a sua essência.

Recomendo o livro: Uma vida com propósitos

Não deixe de me seguir no Pinterest, clicando aqui, onde compartilho várias coisas interessantes sobre desenvolvimento pessoal, organização, vida saudável, receitas e produtividade, como também se inscreva na Newsletter, logo aqui em baixo, no rodapé do blog para que você receba as notificações sempre que sair post novo aqui no blog e faça parte dos seguidores do blog se inscrevendo logo abaixo também. Me acompanhe também no instagram que é @larissabuenoc. Tem várias coisas legais por aqui aproveite para conferir navegando pela página, é muito bom ter você aqui com a gente.

Compartilhe com quem você gosta,
Com Carinho, Lari. 

  • Share:

Você pode gostar também

5 comentários

  1. Muito bom!! Amei o texto Lari, é realmente isso, precisamos fazer/ser o que nos deixa feliz e nos sentimos bem. E não tem problema se ainda não sabemos o que gostamos, vamos descobrir, vi uma frase em uma serie que eu assisto "This is us" que é perfeita... Ela é assim "Vou te falar uma coisa que eu aprendi... não descobrimos quem somos assim, de uma vez, acho que acontece em um longo periodo de tempo, é peça por peça"

    Beijos, amo o Blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que incrível, já fiquei curiosa para assistir essa série também rs mas é assim mesmo, vamos nos descobrindo aos poucos e é essa a graça da vida. Fico muitoo feliz em saber disso, sério! Beijoosss

      Excluir
  2. Acabei de conhecer seu blog e ainda bem que comecei clicando no post certo para mim.
    O conforto que sinto pelas suas palavras é imenso. Eu venho pensando tanto sobre isso, principalmente porque estou no terceiro ano do ensino médio e, enquanto tantos estão pensando na faculdade, eu estou justamente pensando em não entrar em uma. Acontece que esse não é um sonho meu e eu gostaria de seguir um caminho diferente. A maioria das pessoas não entendem, a pergunta automática é "já decidiu que curso vai fazer?", vendo essa como a única alternativa. Como ainda não tenho planos tão bem definidos, eu acabo nem sabendo como me expressar e só respondo com um "ainda não sei".
    É um conforto tão grande ler sua opinião sobre! Reflete muito do que eu penso e sinto. Não quero seguir o automático do que todos fazem simplesmente para me encaixar na multidão. Você me motivou a não me esquecer disso.
    Estou encantada por suas palavras e pelo blog.

    Um grande abraço,
    Any ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aii gratidão por ler esse seu comentário, sério! Sabe, se não é algo que você quer e tem certeza agora, não faça mesmo, não tem nada de errado nisso. Se for para fazer, você saberá o momento ideal para isso, enquanto espera, faça outras coisas sabe? Fico muito feliz em saber que te ajudei de alguma forma, esse é o propósito de tudo aquqilo que escrevo aqui, fique a vontade para ler outras coisassss <3 <3 Beijo ANy, vejo você por aí/aqui. ♥

      Excluir